Evandro Weber

De pai para filho, a cachaça da Weber Haus ganhou o mundo. Desde 1824, com a vinda da família para a cidade de Ivoti, junto com os primeiros imigrantes alemães, formaram-se mais cinco gerações de produtores da bebida, no denominado Lote 48, na Picada 48 Alta, localização da destilaria junto à Rota Romântica no Rio Grande do Sul.

Na linha de sucessão, desde os avós e bisavós, Evandro Weber, acompanhado das irmãs, dá continuidade à empresa, atualmente, dirigindo a Destilaria H. Weber com a mesma maestria e conhecimento dos seus antepassados.

A cachaça, inicialmente fermentada a partir da batata inglesa, quando era produzido o famoso Schnapps, passou a ser feita com cana de açúcar, na propriedade da família. A partir de 2001, Evandro Weber introduziu novas tecnologias e mudanças de estratégias, como a venda das bebidas para outros estados e, hoje, também para o exterior.

O sonho de ir para o seminário foi deixado para trás, a pedido do próprio pai, e Evandro seguiu a missão que considera semelhante a de um padre, de certa forma, unindo as irmãs e demais membros da família em torno de um objetivo comum, que é a Weber Haus, um verdadeiro templo de bebidas cuidadosamente elaboradas e premiadas em vários concursos nacionais e internacionais.

            Para Evandro, a Weber Haus está sempre em construção, em busca de novas tecnologias, sem esquecer as receitas de sucesso dos antepassados que cultivaram as terras deste lote fértil e próspero para, quem sabe, futuramente continuar sendo adubado pelas próximas gerações.

Contagem de comentários: 1
Share It: